CAOS – Pelotão de PESSOAS PELADAS protesta contra a opressão em BRASÍLIA

Pelotão de PESSOAS PELADAS protesta contra a “opressão’ em BRASÍLIA

pelotão de pessoas peladas fotografia

Mais um protesto da esquerda derruba o nome do Brasil no exterior. Mais uma vez um grupo de pessoas despidas se une em um ensaio fotográfico para o que chamam de arte. Na verdade é mais uma manifestação adolescente da esquerda que, ruindo em todo o planeta, insiste em manter suas técnicas e métodos quase sempre imorais e contra a família.

No BRASIL andar sem roupa em público é atentado ao pudor, mas se você batizar a coisa de nu artístico ou manifestação, tudo pode, até manter relações com imagens sacras, como foi feito há pouco tempo em Copacabana.

As fotografias foram feitas no dia 2 de setembro de 2017, no inicio das comemorações da semana da pátria, e reuniu mais de 100 pessoas entre homens, mulheres e indecisos.

O protesto repercutiu negativamente no exterior e alguns jornais disseram que “essas pessoas deveriam se preocupar mais em estudar e menos em tirar a roupa”.

Outros comentários

esse tipo de coisa é próprio de adultos com mente infantil, que querem incomodar por incomodar e não geram nada de proveitoso em suas ações

“… se realmente houvesse opressão no Brasil esse tipo de fotografia, que eles chamam por lá de arte, não poderia ser jamais publicada…”

Observatório da REDE

Compartilhe

BOLSONARO é ajudado por GENERAIS e põe em prática ESTRATÉGIA avassaladora

BOLSONARO é ajudado por GENERAIS e põe em prática ESTRATÉGIA avassaladora

Com vários militares em sua equipe, o deputado JAIR BOLSONARO prepara uma estratégia avassaladora para o início do próximo ano. O “centro nervoso” do aparato político-estratégico do deputado e pré-candidato a presidente do Brasil fica no RIO DE JANEIRO.

A conquista de território começou pelas redes sociais, mas já está nas ruas. O número de votos conquistados por Flávio BOLSONARO nas eleições para a prefeitura do RIO, praticamente sem investimento em campanha, é um claro sinal de que os gráficos são favoráveis para os conservadores, de direita ou simplesmente pró-família.

Flávio BOLSONARO é o intelectual da família, ele tem distribuído artigos e discursos no sentido de conscientizar a população carioca acerca dos perigos da chamada “esquerdização” da sociedade e com isso o número de soldados de seu exército aumenta exponencialmente dia após dia. Seus últimos artigos no JORNAL NAÇÃO, publicação de direita veiculada principalmente no RIO, mostram que o exército dos BOLSONARO intensifica os ataques em defesa da família e conservadorismo.

Uma diferença marcante entre simpatizantes dos BOLSONARO e os chamados militantes ou cabos eleitorais de políticos como FREIXO e JANDIRA é o desinteresse que possuem de conquistar recompensas como cargos, assessorias, sanduíches de mortadela, notinhas de 50 reais ou mesmo o simples asfaltamento de uma rua. A militância da direita visa idéias muito mais abrangentes, geralmente em nível Brasil, como a menor intromissão do estado na economia e educação, por exemplo.

Quem acompanha os movimentos dos militares sabe que apesar de estar preparados para uma ação armada em nível nacional, só o farão em último caso. Seus discursos apontam para a busca de uma solução pacífica até o último minuto em que isso puder ser feito.

Tudo indica que os “estrelas” resolveram cooperar de forma sutil com a campanha de BOLSONARO. Durante as últimas duas semanas percebeu-se uma mudança significativa nos discursos de oficiais generais das Força Armadas Brasileiras. Os militares têm usado canais como a revista Sociedade Militar, redes sociais oficiais e até o BLOG do Exército Brasileiro para se expressar. Os discursos, dada a semelhança que possuem com aquilo que BOLSONARO tem propalado nos últimos meses, poderiam facilmente sair de sua boca.

A esquerda sabe muito bem que Exército, Marinha e Aeronáutica estão entre as instituições com maior credibilidade no país. Sabem também que na medida em que for percebido que JAIR BOLSONARO possui o apoio das FA será praticamente impossível que este perca as eleições de 2018. Não tarda o início de campanha reclamatória/difamatória no sentido de calar os comandantes, acusando-os de tentar interferir na política, principalmente direcionada ao General Eduardo VILLAS BÔAS, o que mais utiliza as redes sociais. Contudo, oficiais GENERAIS na reserva, como Heleno e Santa Rosa, que ainda tem enorme influência sobre a tropa, podem se expressar livremente e se o fizerem podem finalizar de vez os adversários do capitão JAIR BOLSONARO.

A coisa está esquentando e o OBSERVATÓRIO está de OLHO.

Observatório da REDE

Compartilhe

AVAAZ tenta ganhar dinheiro acusando TRUMP de tentar acabar com a ONG

AVAAZ tenta ganhar dinheiro acusando TRUMP de tentar acabar com a ONG

A ONG que defende bandeiras esquerdistas tem sofrido duros golpes e boicotes em cada vez maior número de países. Mas, contando com a inocência de seus assinantes, a ONG-EMPRESA continua com entradas financeira consideráveis.

Veja o apelo, enviado amilhares de assinantes.

‘A Avaaz está particularmente em risco porque somos uma organização global. Os nacionalistas de extrema-direita em toda parte são contra a Avaaz e organizações "estrangeiras" que desafiam seu ódio e ignorância. Não podemos nos dar ao luxo de não estarmos preparados para este ataque, vamos tornar nosso movimento à prova de Trump:”

snapcrab_noname_2016-12-31_16-44-19_no-00

Observatório da REDE

Compartilhe

Agente infiltrado. Esquerda reclama de BULLING mencionando AGENTE SECRETO que teria “comido mortadelas”

Esquerda reclama de BULLING sobre MILITAR infiltrado que teria “comido mortadelas”

A Procuradoria de Justiça Militar em São Paulo, órgão do Ministério Público Federal, determinou o arquivamento do procedimento investigatório que apurava se houve alguma irregularidade nas ações do capitão Willian Pina Botelho, de 37 anos, que agia como agente infiltrado do Exército no dia 4 de setembro, quando ele e 18 ativistas de esquerda foram detidos pela Polícia Militar no Centro de São Paulo. Botelho estava infiltrado no grupo que se preparava para se manifestar na Avenida Paulista.  

A esquerda anda indignada com a decisão e quer agora saber o que BOTELHO conseguiu descobrir. Em sites e blogs de esquerda se percebe várias postagens fazendo chacota com as esquerdistas que pretendiam manter encontros românticos com o agente secreto.

Depois de divulgadas na imprensa algumas fotografias do MILITAR que supostamente se infiltrou em meio aos militantes de esquerda – não se sabe se realmente por determinação de algum orgão de inteligência ou por iniciativa própria – os movimentos de esquerda tentam desesperadamente, por meio de seu braço político, obter informações do comando do Exército sobre o que foi apurado e sobre onde são realizadas operações no momento.

O agente teria conversado com vários membros de movimentos sociais e inclusive saido em alguns encontros românticos com militantes de grupos esquerdistas que participam com frequencia de atos de vandalismo em São Paulo. Numa história digna de contos de Ian Fleming,(criador do agente 007), um jornal diz que o militar pretendia até marcar um menage com algumas militantes. Militantes de esquerda reclamam nos campos de comentários e desconversam, dizem que a ação foi ilegal.

Numa mensagem enviada por aplicativo um fã do agente expressa sua admiração: "Cara, você é o mito, além de engabelar todo mundo ainda pegou umas mortadelas". (mortadelas é o termo usado para definir militantes de esquerda que protestam em troca de lanches ou recompensa financera".

O "Capitão" Pina Botelho se tornou o inimigo número 1 dos jovens esquerdistas, que agora se sentem enganados, traidos, ja que BOTELHO os engabelou completamente, os fez de idiotas por mais de dois anos, desde 2014.

Observatório da REDE

Compartilhe

MILITARES ocupam Força Nacional – Possibilidade de INTERVENÇÃO MILITAR aumenta?

MILITARES ocupam Força Nacional – Possibilidade de INTERVENÇÃO MILITAR aumenta?

Novamente sites de esquerda publicam manchetes sobre a possibilidade real de uma intervenção MILITAR no Brasil. Textos de generais da reserva nesse início de dezembro alertaram sobre o agravamento da crise e institutos de pesquisa mostram que movimentos intervencionistas têm crescido bastante no país. Isso tudo tem atraido a atenção de especialistas no assunto.

intervencao-militar-na-forca-nacional

Observando a rede notamos um ponto bastante importante que, aparentemente interpretado de forma equivocada por movimentos anti-governo, chama-nos a atenção para o momento crítico por que passa o país.

Michel TEMER, após exaustivas tratativas com os comandantes militares, determinou por meio de Medida Provisória, que as Forças Armadas passem a integrar a Força Nacional. Veja abaixo um extrato de notícia da Revista Militar

revista militar intervenção

Se a referida força auxiliar era considerada como inconstitucional ou alheia ao patriotismo e disciplina encontrados nas Forças Armadas, isso deve acabar rapidamente, na medida em que, comandada por um General do Exército ou Almirante do Corpo de Fuzileiros Navais, a tropa será sensivelmente modificada em seus pilares fundamentais.

Pelotões e unidades passarão ao comando de oficiais das forças armadas e sub-unidades para o controle de ST e SO da Marinha, Exército e Aeronáutica.

A informação deveria, ao contrário de de indignação, também trazer alento para aqueles que defendem a chamada intervenção militar. Na medida em que a Força Nacional era apontada como possivel obstáculo a transpor caso fosse necessário que em algum momento as Forças Armadas assumissem temporariamente o controle do país, a introdução de membros experiêntes das Forças Armadas na referida força pode ser uma ação estratégica arquitetada pelo alto escalão das FA.

Observatório da Rede

Compartilhe

Empresa criticada por utilizar modelo em traje de banho enfrenta FEMINISTAS – Desafio Alezzia

Empresa de móveis de aço inoxidavel criticada por utilizar imagem de modelo de biquini é atacada na rede por feministas. A Alezzia não se dobrou à ditadura do politicamente correto e lança campanha para medir aceitação por parte do público.

imagem de modelo da alezzia

O mais interessante é que o slogam mais usado pelas feministas é "meu corpo minhas regras". Contudo, pelo que vimos, a maior parte das pessoas acha que as feministas exageram ao tentar impor à sociedade seus achismos e o que decidem que é apropriado para as mulheres brasileiras.

Ao que parece a empresa tem usado muito bem a notoriedade cada vez maior por conta da polêmica. A modelo Bia Zanetti, fotografada no ensaio que ganhou destaque nas redes declarou que foi contratada pela empresa para posar e que nada tem a ver com a polêmica que a cada dia cresce.

Um dos sites que criticou a empresa diz que usar mulheres é apelação e coisa de publicitários incapazes. Se é verdade não sabemos e nem nos cabe discutir. Vejo abaixo a crítica.

"É revoltante que a publicidade ainda utilize a mulher como mero objeto para vender seus produtos. Esse é um tema que foi incessantemente abordado durante esse ano, inclusive resultando numa mudança de postura de diversas marcas, que, finalmente, passaram a enxergar esse problema. Mas não a Alezzia"

O que sabemos é que vivemos em um país livre e se alguêm quiser contratar uma modelo e houver uma modelo para ser contratada o negócio pode ser feito e ninguém tem exatamente nada com isso.

Em vários comentários nas redes leitores do facebook ironicamente dizem que as feministas deveriam também criticar a empresa de chinelos havaianas por usar um modelo masculino com roupas de banho.

desafio alezzia

Link para PARTICIPAR DO Desafio ALEZZIA

As feministas que criticaram a ALEZZIA têm sido alvo de chacota na internet. A própria empresa divulga postagens ironizando a briga comprada pelas chamadas "feminazis"

desafio-alezzia-14_no-00

alezzia-9_12-15-3_no-00

Alguns comentários encontrados sobre o caso Alezzia

"Eu acho que a empresa, que contratou a modelo, não tem que dar explicações para ninguém. Quase todos os comerciais de carro tem mulheres bonitas, de bebida também. Elas estão ali porque querem receber para isso e as empresas pagam seus honorários. Esse bando de feministas chega ao extremo de tentar ditar até as posições que as mulheres devem usar para fazer sexo ou onde devem ou não raspar os pelos. Desde que vi a reportagem no site Observatório da Rede percebi que a Alezzia tem sido mais apoiada que rechaçada. Somos livres, quem não quiser ver a modelo, não olhe, quem não quiser posar de biquíni é só não posar."

Observatório da Rede

Compartilhe

Comandante exagerou! Diz Revista MILITAR

Comandante exagerou! Diz Revista MILITAR

O comandante do EXÉRCITO parece ter perdido a paciência com a situação e, repentinamente, diz que os intervencionistas podem gerar o caos no país.

villasboas

Se antes era a esquerda a ameaça de gerar uma situação perigosa, com suas ameaças de “tocar fogo no país”, agora, pelo menos para o Comandante do Exército, o General José Eduardo Villas Bôas, a ameaça seria a parcela da população que pede Intervenção Militar Constitucional.

Villas Bôas os chamou de tresloucados. A revista Sociedade Militar, cujos redatores são militares da reserva, pega mais leve do que deveria e diz apenas que as declarações não seriam de “bom tom”, na medida em que o general nem mesmo contra grupos de vândalos de esquerda, que invadem prédios públicos e fecham estradas, usou palavras desse tipo.

snapcrab_noname_2016-12-13_10-5-21_no-00

Ninguém sabe o que causou a reviravolta na cabeça do comandante. A revista Sociedade Militar arriscou dizer que poderiam ser dois fatores. O primeiro seria as seguidas menções por sites de esquerda de que já haveria condições para os militares intervirem. O segundo fator seria uma pesquisa publicada pelo Instituto Paraná, instituto muito mencionado pelo site ANTAGONISTA. Na pesquisa foi apurado que cerca de 35% da sociedade no momento quer mesmo que os militares assumam o controle provisoriamente, fechando o congresso e promovendo novas eleições.

Se a pesquisa estiver correta são cerca de 70 milhões de brasileiros os qeu desejam a intervenção militar. A revista faz uma ressalva e diz que essas pessoas na verdade não tem noção das consequencias de uma intervenção e que isso poderia ser seria trágico para o BRASIL.

A pesquisa apurou também que mais de 60% da sociedade quer o fechamento do CONGRESSO NACIONAL.

Ao que tudo indica, segundo a publicação militar, algo de grande monta pode estar acontecendo e o comandante do Exército ao tentar desacreditar os intervencionistas estaria tentando evitar que a situação desande para uma espécie de revolta popular contra as instituições.

"basta … uma atitude insana para desencadear uma reação em cadeia"

Observatório da REDE

Compartilhe

Reunião de EMERGÊNCIA de Generais – Esquerda pede INTERVENÇÃO militar – LOUCURA fingida ou SENSATEZ inesperada?

É verdade isso? Esquerda pede INTERVENÇÃO militar – LOUCURA fingida ou SENSATEZ inesperada?

intervenção militar esquerda pede

Sites esquerdistas amanheceram nessa quarta-feira com indicações sutis que levam seus leitores a entender que uma intervenção dos militares das forças armadas seria possível no país. Sites como 247, GGN e viomundo não publicam nada que não passe pelo crivo da intelligentsia esquerdista, a cúpula “pensante” que comanda as ações tanto da militância manipulável como da cúpula dos partidos de esquerda no país.

Em um dos artigos de capa o 247 diz que a situação é a mesma que existia 1964 quando os militares depuseram o então presidente João Goulart. O que eles esperam alcançar com essas ações que podem instigar os militares a agir?

snapcrab_noname_2016-12-8_12-56-21_no-00

Coincidência ou não recebemos informações também pelas redes que vários generais do alto comando chegaram em Brasília no começo dessa semana. Reunião de rotina? Talvez sim. Mas a crise institucional é evidente e seria mesmo de se esperar que os militares estivessem discutindo as opções que teriam em caso do país entrar numa situação de caos generalizado.

militarizacao-33_no-00

Não se sabe se o governo também pressente a possibilidade dos militares intervirem de alguma forma. Mas, é fato que Michel TEMER determinou ao MINISTRO da defesa que anunciasse um possível reajuste para as Forças Armadas ainda esse ano, o ministro obedeceu. Outro indíicio interessante de que TEMER pode desejar conquistar a simpatia das FA é o fato dos militares ficaram completamente de fora da reforma da previdência, sequer foram citados, e o BRASIL permanece como um dos únicos países onde os militares podem se "aposentar" antes dos 50 anos de idade. Obviamente que não há como exigir que se aposentem aos 65. Mas, todos, até eles mesmos, concordam que reformas têm de ser realizadas.

No site oficial de LULA o jornalista Franklin Martins diz que a convulsão Social, que precederia uma INTERVENÇÃO MILITAR, está por chegar.

 “Nós já estamos vivendo uma depressão. A economia caiu cerca de 5% nos últimos dois anos. E não há nenhuma perspectiva de melhora. Para o ano que vem, as estimativas falam de -1%. O clima que está se alastrando no país é muito negativo. Nós estamos caminhando para uma convulsão social no país. Estamos vivendo uma situação dramática por absoluta irresponsabilidade das forças conservadoras no Brasil”. 

Se a esquerda acredita que as Forças Aramadas assumiriam o comando, tirariam TEMER e RENAM do controle do país e poupariam os membros do GOVERNO DILMA, deixando-os livres para retornar ao controle do país em pouco tempo deposto faz apenas alguns meses, podem estar redondamente enganados. As forças armadas são notadamente anti-esquerda no Brasil.

Porém, nada indica que os militares resolverão se expor diante da opinião pública mundial e da própria sociedade brasileira, que uma vez ja se voltou contra os mesmos, taxando-os de torturadores e deixando que homens como USTRA e outros fossem completamente massacrados. 

Todavia, não somos nós do Observatório da Rede os portadores das respostas. Apenas discutimos o que está na rede de forma explícita e implícita e talvez passe despercebido da maioria das pessoas. Cada um dos leitores deve chegar às próprias conclusões sobre os possíveis próximos capítulos da atual NOVELA BRASIL.

Observatório da REDE

Compartilhe
1 2 3 4 5